EMPREGO.pt - Carreiras de Sucesso

Preparação para uma entrevista de emprego

Preparação para uma entrevista de emprego

Francisco Tomé Costa

A entrevista de emprego por vezes pode ser muito intimidante, mas é a melhor altura para causar uma boa impressão. Aproveita-a para tirar vantagem sobre os demais candidatos, impressionando a entidade patronal. Toma nota de alguns apontamentos.

1 - Pesquisa o perfil da empresa, quais os seus objectivos e planos de futuro. Com estes dois pontos em mente vais conseguir com que te achem um bom investimento a longo prazo. Também deves estar preparado para falar sobre a indústria e a posição a que te vais candidatar. Procura saber o nome e o cargo do teu entrevistador, podes ter que ligar para a empresa para descobrir. Enquanto esperas, conversa com os funcionários actuais tentando saber o máximo que puderes sobre a empresa. Não vais poder mudar o teu trajecto profissional ou as tuas qualificações, mas podes sempre usar toda a informação que conseguires, para te destacares dos outros candidatos.

2 - Pensa que perguntas vais fazer ao teu entrevistador Como falamos num artigo anterior, prepara várias perguntas para fazeres numa entrevista de emprego. Faz perguntas que demonstrem o teu interesse e perspectivas de futuro e que projectem o teu entusiasmo. Causa uma boa impressão e deixa bem claro qual o teu nível de interesse no trabalho, participando activamente na entrevista. Tira todas as tuas dúvidas sobre o que é falado durante a entrevista, demonstra interessa e profissionalismo, procurando esclarecer tudo o que não foi bem claro. Não te sintas tentado a responder a tudo com um "Claro que sim" ou "Compreendo perfeitamente", pois vai parecer que não estás atento ao que a outra pessoa está a dizer,

3 - Estrutura a tua entrevista Pratica com um amigo ou familiar para teres algum feedback, vais-te sentir mais confortável depois no ambiente real da entrevista. Pratica respostas completas, concisas e com a terminologia apropriada. Não te esqueças de manter sempre o contacto visual com o entrevistador. Certifica-te que não falas nem muito lento nem muito rápido, e lembra-te de dar respostas com confiança. Pensa sobre o que queres falar antes da entrevista. Se te sentes muito nervoso a dar uma resposta básica às tantas não estás a dar o teu melhor.

4 - Antecipa algumas perguntas do entrevistador É melhor estares preparado para uma grande variedade de perguntas sobre os teus objectivos profissionais, planos de futuro, sucessos do passado e motivação profissional, mas também te deves preparar para questões simples que podem não ter qualquer interesse, que a maioria dos entrevistadores gostam de perguntar.

  • "Qual é a tua maior fraqueza?" É uma pergunta de entrevista muito comum, que muitas pessoas temem que seja perguntado. Responder a esta pergunta é como caminhar na corda bamba: não queres dar ar de fraco ("Tenho dificuldades em estar motivado") como também não vais enganar ninguém ao fazeres passar uma qualidade como uma fraqueza ("Não suporto fazer um trabalho menos que o excelente"). Acima de tudo sê honesto e tenta demonstrar que não são fraquezas mas pontos a melhorar. Em vez disso, tenta pensar um problema real que tu tenhas, ("As vezes tenho dificuldades em organizar algumas ideias, mas consigo colmatar essa dificuldade de uma forma visual ao escreve-las num papel ou whiteboard").
  • "Onde te vês em cinco anos?" É outra pergunta que te pode apanhar desprevenido. Uma reacção de pânico pode-te levar a dizer algo do género "a trabalhar nesta empresa, é claro!", mas se estás realmente interessado em ser seleccionado para o cargo, provavelmente essa não é uma boa resposta. Se estás atrás de um trabalho de curto prazo - ou mesmo algo que dure apenas alguns anos - sê honesto sobre as tuas maiores aspirações: (ex.: voltar para a escola, criar família, começar o meu próprio negócio.) A ambição e a honestidade são características muito desejáveis num colaborador.
  • "Por que queres este trabalho?" Uma pergunta destas tão simples acaba por ser das mais críticas no momento de avaliação. Se estiveres realmente interessado no cargo e na empresa, terás bastante facilidade em responder. No entanto, se, como muitas pessoas, estiveres apenas a tentar encontrar um emprego para cobrir as despesas, podes responder à questão como uma forma de destacar as tuas habilidades ("Eu gosto de posições com um ritmo acelerado, de alta pressão e gostava muito de ter a oportunidade de cultivar as minhas qualidades aqui").
  • "Porque que é que deixaste o teu último emprego?" É uma pergunta comum que não deve ser difícil de responder, desde que não haja uma grande ruptura com o teu antigo empregador. Se algo aconteceu, fala abertamente (sem ser amargo ou colocar culpas, pois isso vai-te fazer parecer com uma atitude displicente) e tenta sempre dar uma interpretação positiva sobre as coisas.

Não tenhas medo de admitir que não sabes algo. Enquanto desejas parecer experiente, não mintas de forma a fazer parecer que sabes ou fizeste algo que realmente não dominas. Provavelmente não vais enganar o entrevistador, e admitir não saber sobre alguma coisa mas estar desejoso de o aprender, joga mais a teu favor. Se necessário, apenas reconhece que ainda não dominas a matéria, mas vais empenhar tudo para te especializares no assunto.